Escola Engenharia > Como fazer > Concretagem – Passo a passo

Concretagem – Passo a passo

Passo a passo de como fazer uma concretagem. Materiais e equipamentos para executar concretagem. Método executivo de concretagem de pilares, vigas e lajes.

Por Caio Pereira • Atualizado em 15 de março de 2019

A concretagem é a etapa de finalização de um conjunto de atividades relacionadas a construção de um elemento em uma edificação. A concretagem somente pode ocorrer de forma eficaz e segura se todos os outros serviços anteriores estiverem sido realizados e verificados pelo engenheiro ou técnico responsável da obra.

Tais serviços envolvem verificação da consistência e limpeza das formas, conferência da armadura (quantidade e se estão bem dispostas) e se as instalações que deverão ser embutidas, como tubos elétricos e hidráulicos, estão devidamente posicionadas.

Durante a concretagem, é fundamental a presença de um engenheiro na obra para as etapas de lançamento, adensamento e cura do concreto. Somente pessoas especializadas e com conhecimento técnico em engenharia podem definir o que fazer e o que não fazer durante uma concretagem. Um erro durante o processo de concretagem pode acarretar problemas sérios futuros como fissuras, trincas e nos casos mais graves, as patologias podem causar até o desabamento da estrutura.

Lembre-se: o retrabalho é um dos principais “vilões” de uma obra podendo ocasionar uma perda desnecessária de tempo e dinheiro para os responsáveis da obra e para a construtora.

Materiais e equipamentos utilizados na concretagem

Sarrafeamento durante concretagem.
Sarrafeamento durante concretagem

Método executivo

Concretagem de pilares

Concretagem de vigas e lajes

Preparação de uma laje para ser concretada em seguida
Preparação de uma laje para ser concretada.

Observações importantes

Controle tecnológico do concreto

Durante a concretagem, deve-se coletar amostras aleatórias do concreto a ser lançado para a realização de ensaios de controle de resistência. A construtora ou o responsável pela obra poderá contratar uma empresa para efetuar o controle tecnológico do concreto.

Caso a resistência do concreto resulte em um valor abaixo do especificado em projeto, o projetista deverá ser consultado para determinar o que pode ser feito.

Documentos necessários

Quer citar este artigo em seu trabalho? Utilize o modelo abaixo:

PEREIRA, Caio. Concretagem – Passo a passo. Escola Engenharia, 2015. Disponível em: https://www.escolaengenharia.com.br/concretagem/. Acesso em: 18 de março de 2019.

Copiado!

O que você achou deste conteúdo? Tem alguma dúvida? Conte nos comentários.

  1. Gilberto Rino
    26 de fevereiro de 2019

    Sei que isso já vai pra dois anos, mas caso alguém tenha dúvidas, creio que se estiverem bem apoiadas, seguras, calçadas; pode sim, concretando os pilares primeiro, depois a viga.

  2. Dangelo
    18 de agosto de 2017

    Posso concretar 2 pilares e a viga ao mesmo tempo? Viga bi-apoiada nestes 2 pilares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *